Adele volta a brilhar em videoclipes do novo álbum

Adele Laurie Blue Adkins. Um nome para lembrar e sempre esperar mais. Uma artista peculiar, que sempre preferiu não se destacar ou chamar atenção. Que foi comparada com Amy Winehouse quando apareceu no Reino Unido, em 2008. Que se assustou com todos os números, prêmios e dígitos que conquistou com 21. Que sempre morreu de medo de palco e, por isso, se recusava a fazer turnês. Que, mesmo alcançando a alcunha de fenômeno mundial, focou sua venda e divulgação apenas no Reino Unido e poucas aberturas para os Estados Unidos.

Depois de uma pausa de 3 anos (tempo entre o lançamento de “Skyfall”, single para o filme homônimo da franquia 007 e o lançamento de seu novo álbum) para tomar conta do seu primeiro filho e acalmar a crítica e os fãs que estavam ansiosos por mais, Adele voltou e trouxe 25. Reforçando o impacto que ela conquistou no mercado musical, “Hello”, primeiro single do álbum, foi lançado no dia 23 de novembro de 2015 junto com seu videoclipe, dirigido por Xavier Dolan. No clipe, Adele e Xavier apostam em uma narrativa fictícia na qual a cantora interage com seu par romântico, que a abandona.

Desde “Chasing Pavements” não vemos Adele utilizar narrativas completas para um videoclipe (histórias que foram criadas em cima do contexto em que a música é feita, escrita ou pensada pelo diretor ou pela própria artista).

“Hello” alcançou o topo das paradas em mais de 100 países com poucas horas de lançamento, o videoclipe quebra o recorde da VEVO de mais visualizações em 24 horas – foram 27,7 milhões. Logo em seguida, quebra novo recorde, atinge 1 bilhão de visualizações em menos tempo na história da VEVO – 2 meses e 28 dias. Assim começa um novo marco na carreira de Adele.

Adele muda a abordagem para trabalhar com 25 e, no dia de lançamento do disco, apresenta um pocket show gravado dias antes para a BBC. No dia após o lançamento, participa do programa Saturday Night Live – primeiro programa estadunidense a receber Adele no início de sua carreira e, agora, primeiro a ter performances do 25. Além disso, anuncia sua primeira turnê mundial, provando estar preparada para aceitar o peso de sua carreira mundial.

Após Hello, Adele vem irreverente com um aspecto de gravação de ensaio para o videoclipe de “When We’re Young”, com direção de Paul Dugdale rompendo com o lado cinematográfico preocupado com a história a ser apresentada e focando mais na performance e no “passar a emoção”. Mas o videoclipe não chegou perto dos números de seu antecessor; tem aproximadamente 126 milhões de visualizações.

No último dia 22, no intervalo do Billboard Music Awards, Adele atacou novamente. Seu terceiro single, a inesperada “Send My Love (to your new lover)” ganhou um clipe simples, porém dedicado. Com Adele dançando e cantando em um fundo preto e abusando de sobreposição, o clipe contou com mais de 300 mil visualizações em 1 hora de publicação.

Com novas parcerias e músicas que permitem experimentações audiovisuais cada vez mais interessantes, Adele volta a tomar o mercado da música. E se no último álbum tivemos alguns videoclipes retirados da gravação do Live in Albert Hall (seu primeiro DVD gravado ao vivo), arrisco a afirmar que em 25 passaremos longe disso.

Uma artista com 10 Grammy Awards, 8 Brit Awards, 1 Golden Globe, 1 Oscar, 4 bilhões de visualizações em seu canal oficial do YouTube e com uma lista de recordes tão grande quanto sua risada, essa é Adele. O que ela pode nos trazer? Sendo bem realista, o céu é o limite.

Por Jackson Jacques

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s